| Naviraí/MS - Domingo, 21 de Julho de 2024

Força Nacional do SUS atua em comunidades Indígenas de Assis Brasil para combater Epidemia


Divulgação/Agência Gov Por: Editorial | 01/07/2024 17:13

Uma equipe da Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) iniciou nesta segunda-feira (1º) um trabalho intensivo para investigar e tratar casos de gripe, síndrome respiratória aguda grave (SRAG) e diarreia que assolam comunidades indígenas em Assis Brasil, no Acre. Enviados pelo Ministério da Saúde após solicitação da Secretaria Estadual de Saúde na última quarta-feira (26), a equipe é composta por dois médicos, dois enfermeiros e dois técnicos.

"Esta é uma missão crucial para entender e mapear a situação. Os médicos já estão preparados para prestar assistência em duas comunidades indígenas e realizar um diagnóstico atualizado da crise", afirmou Rodrigo Stabeli, coordenador da Força Nacional do SUS. "Estamos prontos e equipados para realizar evacuações se necessário, com o apoio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do Acre."

Segundo o Ministério da Saúde, um aumento significativo dessas doenças tem resultando em mortes, especialmente entre crianças e idosos nas comunidades afetadas.

As secretarias de Saúde Indígena (Sesai) e de Vigilância em Saúde e Ambiente (SVSA) estão monitorando de perto a evolução dos casos. A Secretaria Estadual de Saúde do Acre destacou que as notificações indicam uma incidência desproporcional dessas doenças em crianças de 1 a 5 anos e idosos acima de 60 anos, com registros de óbitos entre crianças menores de 5 anos em aldeias locais.

Assis Brasil, município com mais de 7 mil habitantes, está localizado na tríplice fronteira entre Brasil, Peru e Bolívia. O Sistema de Informações da Atenção à Saúde Indígena (Siasi) revela que duas etnias — Jaminawa e Manchineri — habitam a região, totalizando 2,1 mil indígenas distribuídos em 32 aldeias.




PORTAL DO CONESUL
NAVIRAÍ MS
CNPJ: 44.118.036/0001-40
E-MAIL: portaldoconesul@hotmail.com
Siga-nos nas redes Sociais: