QUARTA-FEIRA, 20 DE FEVEREIRO DE 2019
Untitled Document
06/02/2019 | Fonte: Naviraí na Net

Ação conjunta da DPR de Naviraí e investigadores da Polícia Nacional prende autor de arrombamento do Banco do Brasil

Após ser preso em Salto Del Guairá Gilliard foi expulso do Paraguaí (Fotos:Divulgação)

Um trabalho conjunto entre policiais da DRP (Delegacia Regional da Polícia Civil) de Naviraí e investigadores da Polícia Nacional Paraguaia da cidade de Salto Del Guairá, resultou na prisão de Gilliard Clayton Alburquerque Mergulhão, de 34 anos, acusado de ser um dos autores de um arrombamento a uma agencia do Banco do Brasil, na cidade de Glória de Dourados.

O crime ocorreu na madrugada do dia 2 de abril do ano passado, onde na ocasião, Ronaldo Avelino de Araújo Júnior de 27 anos, foi preso em flagrante ao ser flagrado de capuz, correndo dentro do banco.

Com a prisão de Ronaldo, os policiais identificaram outras duas pessoas, Gilliard e uma mulher, que também teriam participado do crime, porém os mesmo teriam conseguido fugir antes da chegada da polícia.

Após investigações apontaram que Gilliard após o crime teria fugido e estaria escondido em território paraguaio. Com a troca de informações entre policiais da Delegacia Regional de Naviraí e investigadores da Polícia Nacional Paraguaia, Gilliard foi preso na cidade de Salto de Guairá na fronteira com Mundo Novo.

Ele foi detido pela Polícia Nacional que realizou na tarde de ontem (05), a sua expulsão daquele país, sendo entregue aos policiais civis de Mato Grosso do Sul.

A Polícia continua as investigações para tentar localizar a mulher que também teria participação no arrombamento ao banco.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 19/02/2019 Especialista alerta sobre cuidados no primeiro encontro após caso de mulher espancada
Postada em: 19/02/2019 Operação Fantoche contra fraude no setor de turismo cumpre mandados em MS
Postada em: 18/02/2019 Jovem atrasa aluguel e é agredida por dona de imóvel em MS
Postada em: 18/02/2019 PF prende suspeito de falsificar documentos indígenas e fraudar INSS
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra