QUARTA-FEIRA, 20 DE FEVEREIRO DE 2019
Untitled Document
28/01/2019 | Fonte: MIDIAMAX

Marido que matou mulher atropelada após derrubá-la de Biz promete se entregar à polícia

Suspeito cumpria pena por tráfico e estava solto há 4 meses
Foto: Arquivo pessoal

O jovem de 24 anos suspeito da morte de Rayanne Dias Moreira, de 21 anos, deve se entregar à polícia até o fim da tarde desta segunda-feira (28). Ele seria o marido da jovem e, segundo investigação, teria derrubado a vítima da uma moto Biz e a atropelado com uma Land Rover na noite da última sexta-feira (25), em Eldorado.

De acordo como delegado Pablo Ricardo dos Reis, responsável pelo caso, advogados que fazem a defesa do suspeito procuraram a delegacia e informaram sobre o desejo do jovem de se entregar. “Eles não adiantaram nada sobre o que teria acontecido no dia do crime. Agora, vamos aguardá-lo até o fim da tarde para ouví-lo”, explica o delegado.

O rapaz, que será indiciado por feminicídio e posse ilegal de arma de fogo, deve ser preso preventivamente já que mandado contra ele foi solicitado.

O caso

Rayanne Dias Moreira morreu na noite desta sexta-feira (25), depois que um homem de 24 anos passou com uma Land Rover por cima de sua cabeça no Centro de Eldorado. O suspeito de estar dirigindo o carro no momento do acidente era o marido da vítima, que cumpriu pena por tráfico de drogas.

Segundo informações policiais, por volta das 20h a vítima estava em uma moto Biz, quando viu seu marido abastecendo a Land Rover em um posto de gasolina.

Ela esperou ele terminar de abastecer e foi atrás, momentos depois testemunhas disseram terem visto o carro emparelhado com a moto, ela acabou caindo do veículo e ele passou por cima da cabeça de Rayanne. Depois fugiu em alta velocidade sem prestar socorro.

O capacete chegou a rachar e tinha marcas de pneus. Ela teve afundamento de crânio, chegou a ser socorrida, mas acabou morrendo no hospital.

Conforme informações do delegado de Eldorado, Pablo Ricardo, a vítima e o marido haviam brigado há dois dias, sendo que em uma dessas brigas o autor chegou a agredir Rayanne. A Polícia foi até a casa do suspeito, mas ele não foi encontrado, no imóvel foi feita vistoria e duas armas, um calibre 9mm e outra calibre 22 foram encontradas e apreendidas.

Ainda conforme o delegado, o suspeito teria saído da cadeia há quatro meses pelo crime de tráfico de drogas.  

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 18/02/2019 Motociclista atropela e mata criança de 1 ano; fugiu sem prestar socorro
Postada em: 15/02/2019 Motociclista de 19 anos morre após colidir em carreta
Postada em: 13/02/2019 Artesão é encontrado morto dentro de banheiro de residência
Postada em: 12/02/2019 Incêndio em ar condicionado evacua Prontomed da Santa Casa
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra