SEXTA-FEIRA, 18 DE JANEIRO DE 2019
Untitled Document
18/10/2018 | Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Briga por ração de gado termina em assassinato em fazenda do Pantanal

Corpo de vítima caído em sede de fazenda (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Uma briga por causa de ração de gado terminou na morte do trabalhador rural Manoel Rubens Garcia, 58 anos. Ele foi assassinado a golpes de punhal na noite de ontem (16), em fazenda localizada na região do Pantanal da Nhecolândia, zona rural de Aquidauana – a 135 quilômetros de Campo Grande.

Conforme o jornal O Pantaneiro, o principal suspeito de cometer o crime foi identificado apenas como Fabrício. As primeiras informações são de que, suspeito e vítima brigaram por causa de ração de gado na sede da fazenda, à tarde.

Segundo a Polícia Civil, os dois chegaram a discutir, mas foram separados por amigos. À noite, Fabrício encontrou Manoel sentado em uma cadeira da casa e o atacou por trás.

A vítima levou aproximadamente seis golpes na nuca e morreu no local. O corpo foi recolhido e encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Aquidauana.

O SIG (Setor de Investigações Gerais) e Perícia Criminal da Polícia Civil buscam pelo suspeito, que fugiu após o crime.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 17/01/2019 Ex-presidente do Naviraiense é condenado por desviar R$ 247 mil
Postada em: 17/01/2019 Homem é suspeito de matar primo com golpes e facão
Postada em: 17/01/2019 Jovem é preso após simular sequestro e pedir R$ 7 mil para a própria mãe
Postada em: 17/01/2019 Desacordada, mulher é levada para UPA e estupro é descoberto por médico
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra