TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2018
Untitled Document
18/10/2018 | Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Aluno se feriu com pistola do pai que é 'agente de segurança', diz policia

Delegado Rodrigo Camapum durante entrevista após a perícia na escola. (Foto: Paulo Francis)

O garoto de 9 anos ferido esta tarde (17) no Colégio Adventista no Jardim dos Estados, região nobre de Campo Grande baleou o próprio pé com um tiro de calibre .40 da pistola do pai, que segundo a Policia Civil é um “agente de segurança”. O Campo Grande News apurou que a criança é filho de um perito da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública), mas os nomes não foram confirmados para preservar a identidade da criança.

As informações iniciais passadas pela Policia Militar eram de que o aluno estava com uma arma calibre 6.35, conhecida como “Beretta”. Ainda conforme o delegado plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, a pistola modelo 640 foi levada pelo garoto para o colégio, dentro de uma lancheira. “Aparentemente ele teria colocado a mão e efetuado o disparo, ali de dentro mesmo da lancheira”, acrescentou.

O pai tem o porte da arma que segundo ele, era guardada dentro de um escritório. Mas o homem não soube informar como a criança teve acesso ao armamento e o porque a teria trazido para o colégio. Ele acompanhou o trabalho pericial no colégio, mas também vai prestar depoimento na delegacia.

No início desta noite, investigadores e perítos deixaram a campograndenews.com.br/educacao" target="_blank">escola que fica no Jardim dos Estados, com a lancheira e arma que também serão periciados. O tiro atingiu a perna e o calcanhar esquerdo do garoto que esta em observação na Santa Casa. Ele não vai precisar passar por cirurgia e seu quadro clínico é estável. 

Colégio - No início desta noite o colégio divulgou nota, lamentando o ocorrido e informando que vai oferecer acompanhamento psícológio aos alunos e todos aqueles que presenciaram o disparo em sala de aula. A aulas ocorrerão normalmente nesta quinta-feira (18). 

Na tarde desta quarta-feira (18) o aluno de 9 anos entrou armado na escola e disparou contra a própria coxa. A mesma bala teria atingido também o pé do garoto.

Disparo - O aluno disparou a arma por volta das 16h30 e meia hora depois foi socorrido em uma ambulância particular da empresa Qualisalva e levado para o Proncor e depois para o Prontomed da Santa Casa de Campo Grande.

 O trânsito na região ficou tumultuado devido à saída dos alunos do colégio e ao fato de a rua ter sido fechada pelas equipes de polícia.

 

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 13/11/2018 Pistoleiros que mataram advogada são brasileiros, diz polícia paraguaia
Postada em: 13/11/2018 Jovem de 18 anos morre eletrocutado durante limpeza de alojamento na Unei
Postada em: 13/11/2018 Caminhoneiro agarra adolescente pelo pescoço em festa e a estupra em matagal
Postada em: 13/11/2018 Advogada de Pavão e Marcelo Piloto é morta com 18 tiros na fronteira
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra