QUINTA-FEIRA, 13 DE DEZEMBRO DE 2018
Untitled Document
27/07/2018 | Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Incertezas no cenário econômico derrubam preço da soja em MS

Soja sendo processada após a colheita em Mato Grosso do Sul (Foto: Famasul/divulgação)

Incertezas causadas pelo projeto de tabelamento do frete, recuo do dólar e pela crise comercial entre a China e os Estados Unidos afetaram as cotações internas da soja em Mato Grosso do Sul. O preço médio da saca caiu 3,22% e fechou em R$ 73,19 no começo da semana depois de atingir R$ 75,63 no dia 17 de julho.

Mesmo assim, a oleaginosa acumula alta de 2,45% no mês. Em relação ao mesmo período do ano passado, os valores estão 25,44% maiores.

Segundo boletim da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária), Chapadão do Sul soma 5% de saldo positivo no preço da soja em julho, o maior acumulado entre os municípios mesmo após a queda de 2% registrada na última semana, a menor entre as cidades pesquisadas.

Dourados, onde a soja chegou a ser comercializada por R$ 77, teve o menor avanço do mês até o momento acumulando 1,37% de acréscimo nas cotações. Atualmente o produto é cotado a R$ 74.

Na variação entre os dias 17 e 23 de julho, Chapadão do Sul teve a maior queda na saca da oleaginosa, que foi de R$ 75 para R$ 72. Isso representa retração de 4%. Em Ponta Porã, os preços despencaram de R$ 76 para R$ 73, baixa de 3,95%.

Até o dia 23 de julho, o estado havia vendido 76,60% da safra colhida em 2018, o que representa uma avanço de 13 pontos percentuais em relação ao mesmo período do ciclo 2016/2017. Isso significa que o produtor tem aproveitado as janelas de comercialização, que são os momentos em que as cotações atingem bons valores, com cautela e analisando o cenário econômico.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 12/12/2018 Homem invade missa, mata quatro e comete suicídio na Catedral de Campinas
Postada em: 12/12/2018 Safra de grãos deve fechar 2018 com queda de 5,5%
Postada em: 11/12/2018 CNH com chip é adiada para o final de 2022
Postada em: 11/12/2018 Último lote de restituição do IR contempla 2,2 mil contribuintes de MS
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra