TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2018
Untitled Document
03/07/2018 | Fonte: MIDIAMAX

Schmidt deixa cargo no PDT em MS para se dedicar à campanha de Odilon

Dagoberto e Schimdt: o ex-presidente sai do posto e deputado assume o cargo (Foto: Divulgação | PDT)

O presidente do PTD (Partido Democrático Trabalhista) em MS, João Leite Schmidt, afastou-se na última sexta-feira (29) da presidência do partido. Segundo Schmidt, a decisão de afastamento da presidência foi negociada e ocorreu para que ele possa se dedicar a campanha do ex-juiz federal Odilon Oliveira, pré-candidato ao governo do Estado pela legenda. Em seu lugar, o deputado federal Dagoberto Nogueira já ocupa o comando do PDT.

Ao Jornal Midiamax, Schmidt desmentiu que sairá do partido ou do diretório, como rumores chegaram a difundir nas redes sociais e explicou que vai se dedicar às articulações para a campanha, enquanto a coordenação ficará a cargo do filho do pré-candidato, Odilon Junior.

“Eu vou me dedicar às articulações da campanha majoritária, na coordenação da campanha do juiz Odilon. Foi algo bastante conversado, que infelizmente ganhou tom de boato. Mas, fora da presidência, vou poder atuar melhor na campanha do juiz”, destacou.

Nos últimos dias, boatos nos bastidores políticos indicavam que o PDT poderia estar fragilizado diante de suposto contragosto de Schimidt com os rumos da pré-campanha de Odilon. Todavia, a informação foi desmentida pelo ex-presidente.

“Não tem nada disso. É justamente o contrário. Vamos liberar uma nota oficial, mas estou saíndo porque me dedicar à campanha é mais relevante. E também é bom para o Dagoberto, que também vai estar em campanha. Não tem ressentimento nenhum”, destaca.

Confira a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Diante das notícias veiculadas sobre minha saída da direção do PDTMS e considerando a história que construí ao longo de minha vida política em Mato Grosso do Sul, participando efetivamente da eleição de vários governadores, quero esclarecer que:

1 – Deixo a presidência, mas não o diretório estadual do partido. Assume o vice-presidente, deputado federal Dagoberto Nogueira e, com isso, ele passa comandar o processo eleitoral, especialmente, a campanha dos proporcionais;

2 – Assim, terei mais tempo para me dedicar diretamente na coordenação da campanha majoritária, tendo como certo que o coordenador continua sendo o vereador Odilon de Oliveira Júnior.

3 – A partir de agora vou me dedicarei exclusivamente à campanha majoritária para ajudar fazer o juiz Odilon de Oliveira nosso governador.

Campo Grande, 1° de julho de 2018

João Leite Schimidt

Membro do Diretório Estadual do PDTMS

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 13/11/2018 Vereadora Rosangela defende projeto para doar material de construção a carentes
Postada em: 13/11/2018 Fi da Paiol pede melhorias no sinal telefônico móvel nos bairros
Postada em: 13/11/2018 Tereza Cristina defende agrotóxicos e assistência técnica a pequeno produtor
Postada em: 12/11/2018 Moro diz que ministro do novo governo que vier a sofrer denúncia 'consistente' de corrupção deve ser afastado
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra