TERÇA-FEIRA, 13 DE NOVEMBRO DE 2018
Untitled Document
26/06/2018 | Fonte: CORREIO DO ESTADO

“Kiss Me First” retrata a relação entre jovens e vídeo-games em um futuro distópico

A série é uma adaptação do livro homônimo de Lottie Moggach - Foto: Divulgação

A tecnologia se fez cada vez mais presente na vida das pessoas. Tablets, celulares e computadores são alguns exemplos que já se tornaram parte da nossa rotina. Atualmente a nova obsessão é a realidade virtual, capaz de promover uma inigualável inserção em um mundo artificial. Ciente do grande interesse que essa temática desperta nos espectadores, a Netflix se uniu a produtora britânica Channel 4 para a criação de “Kiss Me First”, que estreia na plataforma dia 29 de junho.

A série é uma adaptação do livro homônimo de Lottie Moggach e conta com Bryan Elsley, um dos criadores da famosa produção adolescente “Skins”, para retratar o relacionamento dos jovens com a tecnologia da forma mais real possível.

Ao longo de seis episódios, é abordada a história de Leila (Tallulah Haddon), uma adolescente de 17 anos que teve sua vida completamente transformada após a morte da mãe. Na busca de uma forma de aliviar essa dor, se vicia num jogo de realidade virtual chamado Agora. Através dele é que a garota conhece a extrovertida Tess (Simona Brown) e as duas começam a se relacionar fora do vídeo game.

Um dia Leila descobre um grupo secreto dentro do Agora intitulado de Red Pill - numa clara referência ao filme “Matrix” - que reúne aqueles que se sentem excluídos do mundo real com a promessa de inserção e felicidade virtual. 

Sob liderança de Adrian (Matthew Beard), o Red Pill utiliza de uma tecnologia ilegal para permitir que seus membros sintam a dor e o toque como se estivessem no mundo real. No entanto, o grupo foi criado com o intuito de convencer esses jovens desiludidos a cometer suicídio.

Ao perceber que seus amigos estavam gradualmente morrendo, Leila começa a questionar se o Agora é aquele universo paradisíaco em que acreditava. Com o desaparecimento de Tara, a garota se vê obrigada a encarar a realidade para tentar encontrar as respostas que procura.

Veja o Trailler:

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 13/11/2018 Banda Cachorro Grande anuncia parada após turnê de despedida
Postada em: 13/11/2018 Criador dos heróis da Marvel, Stan Lee morre aos 95 anos
Postada em: 13/11/2018 Susana Vieira está com leucemia há três anos; doença está estabilizada
Postada em: 12/11/2018 Kevinho posta mensagem após ferimento no rosto: 'Obrigado pelo livramento'
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra