TERÇA-FEIRA, 14 DE AGOSTO DE 2018
Untitled Document
07/02/2018 | Fonte: Plantão Angélica

Angélica: Homem encontrado desacordado com sinais de espancamento é identificado e autor preso

Foto: Portal Angélica

A vitima de espancamento ocorrido na ultima terça-feira (6) foi identificada, Dario Nunes (51) foi encontrado desacordado por volta das 16h00 em uma casa abandonada no Bairro das Nações, próximo a Piscina. Ainda agonizando, Dario estava deitado perto da porta dos fundos da residência, quando foi avistado por uma pessoa que apanhava uma fruta, este acionou a Polícia Militar via 190 e a Policia Civil.

 

Ele foi socorrido pela Ambulância até o Hospital de Angélica e encaminhado em estado grave para o Hospital da Vida em Dourados aonde esta internado na UTI.

 

No começo da noite um homem dizendo ser filho de Dario o reconheceu pela foto, por um sinal que seu pai tem no rosto, e disse aos policiais com quem Dario acostumava andar, com essa informação os Policiais Militares e Civil começaram as buscas e encontrou Edson Gomes da Silva, popular Viana, na casa de sua Mãe, a mesma relatou aos Policiais que seu filho tinha passado o dia fora, momento que os Policiais pediram a Viana que os acompanhasse até a Delegacia para algumas averiguações.

 

Com uma lesão na testa Viana informou aos policiais que foi provocado por Dario, perguntado por que ele teria agredido Dario, Viana disse que foi cobrar uma importância de R$ 10,00 reais e supostamente foi agredido por Dario, perdendo a cabeça bateu com um pedaço de madeira na vitima.

 

Viana esta preso por homicídio qualificado por motivo torpe na forma tentada.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 13/08/2018 Caminhonete abarrotada de maconha é apreendida na BR-163
Postada em: 13/08/2018 Veículos roubados em Goiás são recuperados em MS
Postada em: 13/08/2018 Jovem em motocicleta com placa brasileira é executado na fronteira
Postada em: 13/08/2018 Bebê com nove meses morre asfixiado e polícia civil investiga causas
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra