DOMINGO, 25 DE FEVEREIRO DE 2018
Untitled Document
19/01/2018 | Fonte: G1

Polícia prende motorista e apreende veículo usado por quadrilha em assaltos a casas

Homem entregou os três comparsas, que agora estão sendo procurados. Todos vão responder por associação criminosa e furto qualificado.
Preso motorista de quadrilha que assaltava casas em Campo Grande MS (Foto: Dyego Queiroz/G1 MS)

motorista da quadrilha que assaltava casas em Campo Grande foi preso nesta quinta-feira (18) no bairro Tiradentes. A polícia ainda apreendeu, no mesmo dia, no jardim Panamá, o veículo usado pelos bandidos durante os crimes. O carro foi registrado por câmeras de segurança de pelo menos um dos imóveis invadidos.

De acordo com o delegado Paulo Sá, da 3ª Delegacia de Polícia, que cuida do caso, o integrante preso tinha a tarefa de dar cobertura aos comparsas. "O papel dele era ficar com o carro na porta dos locais que eram assaltados com o motor funcionando, pronto para uma eventual fuga", explicou.

O suspeito entregou os outros três companheiros, que já foram identificados e estão sendo procurados. O trio tem 21, 21 e 18 anos. Dois são irmãos. Segundo a polícia, apenas o motorista não é foragido do sistema prisional. Até o de 18 anos possui um mandado em aberto, mas o dele é de busca e apreensão.

Ainda segundo o delegado Paulo Sá, pelo menos cinco imóveis foram invadidos. Em entrevista à imprensa, nesta tarde, Sá afirmou que algumas supostas vítimas foram ouvidas. Nenhum objeto levado pelos assaltantes, como computadores e aparelhos de celular, ainda foi recuperado.

A quadrilha vai responder por associação criminosa e furto qualificado. Ainda segundo Sá, o grupo é 'profissional', agia da mesma forma em vários lugares e em diversas regiões da capital sul-mato-grossense. A quadrilha estaria praticando assaltos desde novembro do ano passado para vender aquilo que levavam.

"Estamos considerando que é um crime continuado. Não é um crime esporádico. Essas pessoas realmente estavam vivendo de crimes. O mais importante de tudo é que eles fiquem presos e parem de cometer crimes e de outra parte também que sejam recuperados os bens das pessoas que foram lesas por esse crime", explicou.

 

Carro apreendido

O carro, que de acordo com os investigadores era o usado pelos suspeitos para cometer crimes, foi apreendido no bairro Panamá e está no pátio da 3ª DP. Algumas pessoas foram identificadas como proprietárias do veículo, devido aos nomes constarem no histórico de posse.

"Nós estamos aqui com três ou quatro donos do carro já. Esses carros antigos, usualmente eles não fazem transferência de documento, e a transferência dos bens móveis, ao contrário dos imóveis que são feitos por escritura pública os bens móveis são feitos pela tradição. Quando você entrega a chave do bem, você está passando a propriedade do bem", explicou Paulo Sá.

Mas o que a polícia quer saber agora é como os assaltantes tiveram acesso ao veículo, já que nenhum deles é apontado como proprietário. "Nós estamos aqui com toda cadeia de custódia para chegar realmente no último proprietário para nos definir como esse carro foi parar na mão dessa quadrilha", afirmou Sá.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 23/02/2018 Naviraí-Embriagado e com medo da mulher, motorista tenta fugir da PM e acaba preso ao chegar no Paraná
Postada em: 23/02/2018 Adolescente denuncia o próprio pai por estupro
Postada em: 23/02/2018 Polícia desarticula grupo que planejava furto a agência dos Correios
Postada em: 23/02/2018 Homem é morto a tiros em bairro e suspeita é de reação a assalto
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra