TERÇA-FEIRA, 17 DE JULHO DE 2018
Untitled Document
27/12/2017 | Fonte: ASSESSORIA E COMUNICAÇÃO

Tereza Cristina garante empenho de R$ 200 mil para compra de equipamentos de segurança para bombeiros de Naviraí

Foto: Reprodução CBMS

Visando proporcionar mais segurança no trabalho dos bombeiros, responsáveis por combater diversos tipos de emergências e perigos que ocorrem nas cidades, a deputada federal Tereza Cristina empenhou emenda de R$ 200 mil para aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para o Corpo de Bombeiros de Naviraí.

 

O valor é de emenda individual apresentada ao Orçamento Geral da União (OGU-2017).

 

“Esses homens e mulheres que se dedicam a prevenir incêndios e combatê-los, salvam inúmeras vidas e exercem diversas atividades de risco. Para que o trabalho seja realizado com tranquilidade e segurança é preciso de uma proteção especial no dia a dia desses profissionais tão corajosos”, disse a deputada Tereza ao ressaltar a importância dos equipamentos para a corporação.

 

A profissão que exige muita disciplina, coragem, raciocínio rápido e resistência física, necessita ainda de preparado, equipamentos específicos e que o profissional esteja devidamente protegido.

 

Os recursos podem ser investidos em botas para bombeiro, capuz balaclava, capacete, uniforme profissional, luva de segurança, equipamento de proteção respiratória e equipamentos para trabalho em altura, todos constantes na lista de Equipamentos de Proteção Individual (EPI).

 

O documento de empenho, enviado a prefeitura de Naviraí é uma formalização do Governo Federal garantindo os recursos e foi comunicado ao prefeito José Izauri de Macedo nesta terça-feira, 26 de dezembro de 2017.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 06/06/2018 STJ autoriza recolhimento da carteira de motorista para pressionar réu inadimplente a regularizar débitos
Postada em: 06/06/2018 Passa de 190 o número de desaparecidos por causa do Vulcão de Fogo, na Guatemala
Postada em: 06/06/2018 Governo reduz previsão e passa a estimar salário mínimo abaixo de R$ 1 mil em 2019
Postada em: 06/06/2018 Frio deve atrasar início da colheita do algodão na região norte de MS
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra