QUARTA-FEIRA, 23 DE MAIO DE 2018
Untitled Document
08/06/2017 | Fonte: MIDIAMAX

Ivinhema - Padrasto tenta tirar sutiã de enteada e a estupra dentro de casa

(Foto ilustrativa)

Mais um caso de estupro aconteceu na cidade de Ivinhema, neste fim de semana. O padrasto de 40 anos teria estuprado a enteada de 13 anos.

A mãe da adolescente teria acionado a polícia depois de ouvir gritos de socorro da filha que afirmava que a chamaria, caso o autor não a largasse. A mulher tinha saído com o marido e teria retornado a residência, após uma discussão do casal.

O padrasto estava sozinho na sala com a menina quando tentou agarrá-la e retirar seu sutiã, momento em que disse que chamaria sua mãe. O homem ainda tentou beijar sua boca. Ao ouvir os gritos a mãe foi até a sala e questionou o que estava acontecendo.

Momento em que a garota disse que o padrasto estava tentando agarrá-la e passando a mão pelo seu corpo. A mulher acionou a polícia e o autor foi levado para a delegacia de polícia.

Outro caso

Ao ficar aos cuidados da babá, uma criança de 10 anos foi estuprada pelo irmão da cuidadora neste fim de semana. Ela estava brincando com a irmã de 3 anos quando aconteceu o crime.

A mãe teria deixado as duas filhas, de 3 e 10 anos, aos cuidados de uma babá. A cuidadora teria levado as crianças até sua residência, onde estavam sua mãe e o irmão dela, acusado de estuprar a menina de 10 anos.

A babá teria ido auxiliar sua mãe quando deixou as meninas brincando em um cômodo da residência na presença de seu irmão, que teria começado a tocar a menina de 10 anos com a desculpa de ter achado a estampa de sua camiseta bonita.

O suspeito ainda teria cheirado o pescoço da menina afirmando que estava com um perfume gostoso. A criança ainda foi abraça por trás pelo acusado momento em que correu para junto da babá.

Novamente o suspeito foi ao encontro das meninas chamando-as para brincar nos fundos da residência. Ainda de acordo com o site Ivi Notícias, o homem de 31 anos teria afirmado a garota que iria fazer uma brincadeira e era para fechar os olhos, momento em que ele a beijou na boca.

A menina saiu correndo aos prantos pedindo para a babá para ir embora. Ao contar a cuidadora sobre o que tinha acontecido, a babá teria pedido para a menina não falar sobre o ocorrido para a sua mãe. Na delegacia, o suspeito negou os fatos.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 23/05/2018 Barão da droga, sul-mato-grossense é condenado a mais 10 anos de prisão
Postada em: 23/05/2018 Fazendeiro é multado em R$ 50 mil por construir represa ilegal
Postada em: 23/05/2018 Morta a pedradas, idosa de 84 anos pode ter sido estuprada antes do crime
Postada em: 23/05/2018 Pistoleiros matam homem com sete tiros na frente do filho de 22 anos
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra