SEGUNDA FEIRA, 22 DE JANEIRO DE 2018
Untitled Document
10/05/2017 | Fonte: TANAMIDIANAVIRAI

Naviraí-Pecuarista é multado em R$ 60 mil por manter gado em área de protegida

Atividades no local foram interditadas devido a degradação constatada (Foto: Divulgação/PMA)

Durante fiscalização em uma fazenda, localizada no município de Eldorado, Policiais Militares Ambientais de Naviraí autuaram ontem (9), um proprietário rural por degradação de nascentes e matas ciliares de um córrego que corta a propriedade. O infrator, residente em Eldorado, mantinha gado degradando as áreas protegidas de nascentes e matas ciliares do corpo d’água na propriedade (Área de Preservação Permanente – APP).

A área de 4 hectares de nascentes e 2 hectares de matas ciliares de um córrego, era utilizada para dessedentação e forrageamento do rebanho e se encontrava degradada por processos erosivos, devido ao pisoteio dos animais.

O proprietário foi autuado administrativamente por danificar área considerada de preservação permanente (nascentes e matas ciliares) e foi multado em R$ 60.000,00. Ele também responderá por crime ambiental e poderá pegar uma pena de detenção de um a três anos.

As atividades foram interditadas e o proprietário rural foi notificado a retirar o gado das áreas e a realizar um Plano de Recuperação de Áreas Degradadas e Alteradas (PRADA), junto ao órgão ambiental.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 22/01/2018 PRF, PM e Receita Federal apreendem mais de meia tonelada de maconha em caminhão que saiu de Mundo Novo
Postada em: 22/01/2018 Jovem é preso por posse de munições de uso restrito
Postada em: 22/01/2018 Desconhecido efetua disparos e homem é ferido em frente à residência
Postada em: 22/01/2018 Agentes desconfiam em presídio e exame de raio-x aponta mulher com maconha escondida na vagina
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra