QUARTA-FEIRA, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
Untitled Document
05/05/2017 | Fonte: CORREIO DO ESTADO

Bandidos brasileiros invadem Paraguai para controlar tráfico

Facções criminosas tentam dominar o comércio de maconha e armas
Foto: Divulgação

Brasileiros integrantes de facções criminosas estão invadindo regiões do Paraguai, na tentativa de exercerem o controle sobre o tráfico de drogas e armas a partir da atuação nessas áreas.

Desde a morte de Jorge Rafaat Toumani, apontado como um dos principais chefes do narcotráfico na fronteira, a polícia local tem constatado a existência de um esforço concentrado de grupos criminosos pelo controle do comércio de drogas e armas no país. 

Rafaat foi executado em junho do ano passado, em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz divisa com a brasileira Ponta Porã. Ele morreu depois de ter o carro atingido por mais de 200 tiros de armamento militar, calibre .50. Há indícios de que grupos brasileiros teriam se aliado para a morte do líder do tráfico, exatamente como abertura de caminho.

De acordo com a polícia, atualmente, o espaço de liderança deixado pelo traficante assassinado está sendo disputado por células de facções brasileiras, como o Primeiro Comando da Capital (PCC), o Comando Vermelho (CV) e a Família do Norte (FDN). Isso porque o controle do tráfico no Paraguai implicará em controle do preço das drogas e armamentos enviados ao Brasil.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 13/12/2017 Eldorado - PRF apreende adolescente de 16 anos transportando maconha em ônibus
Postada em: 13/12/2017 Polícia Federal realiza buscas em gabinetes de dois deputados na Câmara
Postada em: 13/12/2017 Jovem é morto a tiros um dia depois de ser ameaçado durante discussão
Postada em: 13/12/2017 Polícia incinera mais de 15 toneladas de drogas em Dourados
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra