QUARTA-FEIRA, 23 DE AGOSTO DE 2017
Untitled Document
25/02/2017 | Fonte: CORREIO DO ESTADO

Envolvidos em assassinato de detento serão transferidos para a Máxima da Capital

Preso de 35 anos foi encontrado decapitado na manhã de ontem
Sete presos foram apontados como responsáveis pelo assassinato - Foto: Osvaldo Duarte

Os sete presos envolvidos na morte do detento José Alécio dos Santos, 35, encontrado decapitado, no corredor da ala de disciplina, na manhã de ontem, na Penitenciária Estadual de Dourados (PED), irão responder pelo crime de homicídio. As informações são do Dourados News.

Foram apontados pelo envolvimento no caso: Danilo Mauricio Souza Ferreira; Davidson Almiro Santos Oliveira; Everton Calixto Flores; Maycon Braga Prado; Gerson Nascimento de Andrade; James Willian Rodrigues da Rocha e Rodrigo Lourenço dos Santos, esse último que assumiu o assassinato.

Todos eles deverão ser transferidos para a Máxima de campo Grande.

O CRIME

Foi encontrado morto, decapitado, no corredor da ala de disciplina, o detento José Alécio dos Santos, 35 anos. Outros presidiários que compartilhavam da mesma cela que ele são suspeitos de terem cometido o crime.

Conforme informações do Boletim de Ocorrência, por volta das 6h, agentes foram até a ala depois de ouvirem barulho e depararam-se com José Alécio morto, com a cabeça cortada. Na cela que era ocupada pelo presidiários, havia outros três criminosos.

Houve motim na cela e dois internos ficaram como reféns do grupo. Após as negociações, os sete foram encaminhados até o 2º Distrito Policial onde acabaram autuados.

No site do Tribunal de Justiça José Alécio é apontado como réu em processos de roubo, homicídio, furto, incêndio e tráfico de drogas.

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 23/08/2017 Prefeito de Ponta Porã pede reforço da Força Nacional
Postada em: 23/08/2017 Homem é preso após anúncio de maconha a R$ 200 no WhatsApp
Postada em: 23/08/2017 Quatro detentos fogem durante a madrugada da Gameleira
Postada em: 23/08/2017 Ministério da Saúde constata alta de 12,5% no número de casos de estupro coletivo
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra