QUARTA-FEIRA, 23 DE AGOSTO DE 2017
Untitled Document
15/03/2016 | Fonte: Cg News

Japorã- Ação conjunta apreende 171 quilos de mussarela imprópria para consumo

As peças de mussarela estavam armazenadas em desconformidade com os órgãos de fiscalização. (Foto: Divulgação)

Uma ação conjunta entre Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) e Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo), resultou na interdição de uma fábrica em Japorã, na apreensão e destruição de 171,5 quilos de mussarela e 100 litros de salmoura.

Segundo Marcos Camargo, da equipe do núcleo de combate a produtos de origem animal, tanto a mussarela quanto a salmoura, apresentavam desconformidade com as normas sanitárias, o que poderia colocar em risco a saúde dos possíveis consumidores.

Assim que foram constatadas as irregularidades, imediatamente o estabelecimento foi interditado e os responsáveis multados e autuados administrativamente. Eles responderão a inquérito policial, por crime contra as relações de consumo, cuja pena pode variar de 2 a 5 anos de prisão.

Além da ação de natureza fiscalizatória, a força tarefa trabalha orientando os responsáveis pelos estabelecimentos fiscalizados quanto à manipulação e armazenamento de gêneros alimentícios, dando cumprimento ao que determina à legislação sanitária.

Os produtos que possuem indícios de desrespeito com as normas de saúde pública e consumidores são apreendidos e destruídos pelos órgãos de fiscalização.

 

COMENTE ESTA NOTÍCIA:
» NOTÍCIAS RELACIONADAS
Postada em: 23/08/2017 Prefeito de Ponta Porã pede reforço da Força Nacional
Postada em: 23/08/2017 Homem é preso após anúncio de maconha a R$ 200 no WhatsApp
Postada em: 23/08/2017 Quatro detentos fogem durante a madrugada da Gameleira
Postada em: 23/08/2017 Ministério da Saúde constata alta de 12,5% no número de casos de estupro coletivo
Untitled Document
Desenvolvimento: Luciano Dutra